A Marca
Explore o Mestre em você

A Marca

A História

Os holandeses são conhecidos por produzirem uma grande variedade de queijos de alta qualidade. Este sucesso tem sido atribuído à criatividade diversificada desta nação, com sua perícia artesanal superior e uma herança milenar.

Durante os séculos XVI, XVII e XIX, a Holanda vivenciou um período excepcional, graças a vários pintores holandeses de admirável talento - Rembrandt van Rijn, Vincent van Gogh, Johannes Vermeer e Frans Hals. As obras-primas que eles criaram continuam a inspirar e maravilhar o público até hoje.

Foi esta inspiração que nos levou a produzir uma linha premium com a cuidadosa seleção de quatro queijos holandeses maturados, denominada “A Dutch Masterpiece” (Obras-Primas Holandesas). Ao criar essa linha, nosso objetivo foi o mesmo que o daqueles famosos pintores holandeses tantos anos atrás - criar algo tão extraordinário que proporcionaria deleite para todo o mundo.

Cada queijo desta linha é feito do melhor leite de nossos fazendeiros, tendo sua própria receita e processo de maturação. Isso resulta em texturas, sabores e aromas distintos e requintados. A linha "A Dutch Masterpiece" já ganhou muitos prêmios internacionais, com o Rembrandt (2004) e o Vermeer (2012) sendo votados como os melhores queijos do mundo no Campeonato Mundial de Queijos nos EUA.

Continuamos a produzir nosso queijo da maneira clássica e tradicional holandesa, mas usamos instalações de produção de ponta para garantir a sua melhor qualidade. Queremos assegurar que cada queijo da linha "A Dutch Masterpiece" ofereça uma experiência de sabor sem igual.

Descubra os diferentes sabores; explore o mestre em você!

 
 

Artistas / Obras

Rembrandt Van Rijn

O pintor e gravurista holandês Rembrandt van Rijn é amplamente reconhecido como um dos melhores pintores de todos os tempos.

Seu emprego de luz e sombra era único e seu estilo dramático e cheio de vida contrastava com a rigidez formal de muitos de seus contemporâneos.

“The Nightwatch”, sua obra mais conhecida, foi concluída no auge da idade de ouro holandesa, em 1642. O quadro retrata um grupo de uma divisão da guarda civil que, na verdade, tem outro título: "A companhia de Frans Banning Cocq e Willem van Ruytenburch".

Para ver algumas das obras de Rembrandt, visite o Rijksmuseum (Museu Nacional) em Amsterdã: www.rijksmuseum.nl

 

Vincent Van Gogh

Vincent van Gogh foi um pintor holandês pós-impressionista e é talvez um dos artistas mais famosos do mundo.

Embora não tenha sido muito apreciado durante a sua vida, hoje ele é considerado um ícone e algumas de suas pinturas estão entre as mais famosas obras de arte.

Em 1888, ele pintou a sua já célebre série de "girassóis". As pinturas de quatorze flores em todas as fases da vida - em plena flor até murchando - são famosas pela grande vitalidade e suas cores brilhantes.

Para mais informações e para ver as obras de Van Gogh visite o Museu Van Gogh em Amsterdã: www.vangoghmuseum.nl

 

Johannes Vermeer

Johannes Vermeer é um dos mais célebres pintores do estilo barroco holandês do século XVII. Sua fama se deve principalmente à sua capacidade de criar fascinantes retratos representando indivíduos envolvidos em atividades da vida quotidiana.

Em 1658, Vermeer pintou uma de suas cenas mais famosas, "A Leiteira". O quadro transmite a simplicidade de uma mulher vertendo leite em uma tigela.

O fascinante jogo de luz e sombra na pintura cria uma atmosfera intensamente íntima.

Você pode ver as obras de Vermeer no Rijksmuseum (Museu Nacional) em Amsterdã: www.rijksmuseum.nl

 

 

Frans Hals

No século XVI, Frans Hals for foi o principal pintor de Haarlem, uma grande cidade holandesa.

Embora Frans Hals também tenha pintado algumas cenas da vida quotidiana, ele é mais conhecido por seus retratos de cidadãos ricos. Sua obra demonstra uma rara intuição e capacidade de capturar aqueles momentos fugazes na vida de seus retratados.

Uma de suas mais famosas pinturas é um grande retrato em grupo de guardas-civis em grupo.

Frans Hals foi comissionado para pintar "A companhia do Capitão Reinier Reael e do Tenente Cornelis Michielsz Blaeuw" em 1633, também conhecida como "A Companhia Magra".

Para ver as obras de Frans Hals visite o Rijksmuseum (Museu Nacional) em Amsterdã ou o Museu Frans Hals em Haarlem: www.franshalsmuseum.nl